A Centopéia Humana, por Dani Vidal

Bastou ler dois parágrafos e ver o trailer para eu ter a convicção de jamais pensar em assistir “A Centopéia Humana (The Human Centipede)”. Outro dia no twitter vi que Dani Vidal (abaixo tem sua apresentação) tinha acabado de assistir e se horrorizar com o filme. Com minha cara de pau pedi que ela escrevesse e que bom que ela aceitou! Um pouco sobre nossa escritora da vez:

The Human Centipede (A Centopéia Humana), 2009, Terror

Os que me conhecem sabem que não resisto a um bom filme de terror ou suspense. Muitas vezes vago pela internet em busca de bons filmes que ainda não fizeram sua estréia no Brasil ou infelizmente não chegarão por essas terras. Foi em uma destas epopéias que me deparei com um filme chamado Centopéia Humana. Vi um cartaz com uma pequena sinopse e fiz o download. Não assisti a nenhum trailer ou se quer tinha ouvido falar deste filme antes.

Eis que uma noite destas coloquei para assistir Centopéia Humana (The Human Centipede – 2009, Terror) que narra a história de duas jovens turistas viajando pela Alemanha quando em uma noite qualquer resolvem sair para um bar e acabam furando o pneu do carro, muito conveniente, em uma estrada deserta. Quando resolvem sair em busca de ajuda se deparam com uma bela casa e um morador muito estranho. Em questão de minutos são aprisionadas e se juntam a um outro jovem preso em um quarto com aparência de sala cirúrgica.

O médico então faz uma pequena apresentação de Power Point onde mostra de forma bem didática a sua pretensão: Uma cirurgia de separação de siameses ao contrário, ou seja, fazer uma cirurgia para unir aquelas três pessoas. Mas a mente doentia do médico não pára por ai, pois a união será feita através do sistema digestivo – entrada e saída. Se você não entendeu o que quero dizer sugiro que veja o trailer abaixo:

  1. Provavelmente se eu tivesse visto o trailer não teria assistido ao filme. Acredito que a sensação que tive após assistir a este filme foi a mesma ao assistir Saló (confira artigo na Wikipedia sobre Salò)
  2. Gostaria muito de saber como a idéia deste filme foi concebida. Como ou de quem saiu a idéia de uma “centopéia humana”. Será que conversavam em um bar e um disse pro outro: – Como seria legal se alguém costurasse minha boca em seu anus, não é?
  3. Depois de me questionar sobre isso li que o diretor disse em entrevista que esta era sua brincadeira preferida quando criança. (Acabei de perder a fé na humanidade1);
  4. O médico tem uma cara de médico nazista que me faria correr assim que ele abrisse a porta.
  5. Sair com uma amiga de carro por uma estrada deserta cercada por floresta só mesmo com uma arma no carro e um telefone via satélite. Isso sempre dá errado! Sempre!
  6. Não dei uma nota para este filme pois ainda não consegui assimilar tudo;
  7. Gostaria de ver a cara dos atores ao saber que seriam costurados desta forma e pensando: Preciso conseguir este papel!
  8. Os estúdios não permitiriam cenas sem cortes das acrobacias sádicas da Hit-Girl e pagaram pra filmar isso. ( Perdi a fé na humanidade 2);
  9. Uma continuação está sendo filmada e o pior, com 12 pessoas unidas. (Perdi a fé na humanidade 3);

39 comentários sobre “A Centopéia Humana, por Dani Vidal

  1. Todo mundo diz que assisto bizarrices mas depois ficam me perguntando como é…

    Contei que assisti esse filme a um tempinho já, na mesa de um bar, inclusive o Sr. Caio Costa estava presente e todos ficaram mega curiosos!

    Curtir

  2. Vamos lá:
    Quando ouvi – li – sobre tal filme, fique curioso, pois terror é comigo mesmo. Entretanto, após assisti (é eu assisti), e procurar por criticas quanto ao filme (fiquei sabendo que haverá uma continuação??????), e deparei-me com um depoimento, aparentemente do próprio diretor que revela que “buscou orientação de um cirurgião real”, lendo isso eu me pergunto: por que cargas d’água, eles tinha que serem unidos pelo final do tubo digestivo??? vamos analisar friamente, o primeiro, comeu, depois digeriu, e em seguida vira excremento a comida (até tudo certo), como pode FEZES, alimentar outro ser?????? cara, eu não sou médico, mas não seria mais fácil, abrir o primeiro paciente e “esticar” o intestino do mesmo, passando para os outros, ou coisa do gênero??? acho que assim, faria mais sentido, do que só ligar a boca no c* de alguém… bom acho que é isso…

    Curtir

  3. Poizeh Caio, ainda bem que Dani tem essa predileção por filmes do gênero, só assim ele poderia aparecer aqui no blog!

    Dani, valeu pelo post, foi um sucesso e querendo escrever mais vezes é só falar

    Gilberto, nao sabia disto, para mim era só insanidade mesmo de quem criou essa pérola do cinema.

    Ramon, muito medo mesmo.

    Luiz, tentar compreender ou achar alguma razão em qualquer coisa relacionado ao tema desta obra (literalmente) é loucura. Eu particulamente quero continuar distante dela hehehe

    Curtir

  4. Eu vi o trailer deste filme esses dias e mostrei a todos os meus amigos.. começamos a zuar essa historia de centopeia e de tanto falarmos, ontem assistimos o filme e falo o seguinte: Nao é um filme convencional, nem um show de imagens, mas a bizarrice e a mente doentia de quem criou isso faz ser um dos filmes que me tirou o sono! Nao dormi legal depois de ver isso!

    Curtir

  5. Realmente é triste saber que gastam dinheiro
    para fazer um filme desse.
    Teve alguns amigos que não conseguiram
    dormir com medo de a centopéia humana
    surgir em seus quartos kkkkkkkk ( é serio).
    Tive que ouvir (e rir muito) varias reclamações
    por ter mostrado o trailer a esses amigos .
    Abraços.

    Curtir

  6. Esse filme é demaaaaaais!!!!
    Vi tem alguns meses. mwuahauhauah Quando li a respeito enlouqueci, eu tinha que assistir!
    A idéia é doida mas o filme é concideravelmente entediante. Vai por mim, é mais papo mesmo. Vale assistir mas as tais cenas que todo mundo acha que vai ver não são mostradas e isso, pelo menos pra mim, foi frustante, eu queria maaaaais. mwuahuaha

    Tô adorando seu blog, muito bom

    Curtir

  7. esse negócio de ficar costurado com a boca no ## da outra pessoa em fila indiana de centopéia é nojento e bizarro demais! eu achei nojento e nem consegui assistir o trailer todo desse novo “classicão” dos filmes grotescos!

    Curtir

  8. Puta que pariu. Acabei de assistir esse filme. É muito trash, sem noção… História mal feita e cheia de erros…
    Sem palavras, adoro filmes de terror, mas quero minhas longas horas de volta….
    Ass. Peidinho Feliz (agora triste por causa dessa merda…)

    Curtir

  9. Eu vi o filme a um mês atrás, achei que fosse mais nojento, deixou a desejar nas cenas da cirurgia, mas a história não é toda impossível, um médico que não quis se revelar(seré por quê?) disse que é possível fazer essa bizarra cirurgia.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s