Homeland, a série de 2011?

Aclamada pela crítica e público Homeland talvez seja o lançamento mais interessante de 2011…

…no mundo das séries televisivas. Depois do meu post sobre quais seriados novos deveria acompanhar e vendo que recebi diversos comentários positivos a respeito deste seriado resolvi começar a acompanhar a série e não me decepcionei.

Para aqueles que precisam de provas o Globo de Ouro serviu como atestado de qualidade da série

…que levou o prêmio de melhor série de drama e deu ainda a atriz Claire Danies o prêmio (MUITO merecido) de melhor atriz.

O doidinho, a fatal e o hipster

Será, de fato, que é realmente um seriado tão imperdível assim? Qual afinal é a sua história e porque você tem (ou não, vamos Caetanear) que assistir Homeland?

Ao descrever a série alguns recorrem à seguinte frase:

É parecido com 24 horas mas…

… não é bem assim! As semelhanças podem ser levantadas apenas quando comparamos os temas das duas séries que, em sua essência, é a de uma agência americana (no caso aqui a CIA ao invés da CTU) no combate ao terrorismo. Se é melhor ou pior que 24 Horas aí é uma discussão bastante pessoal e…

…a minha opinião é que 24 horas ainda é imbatível, mesmo sendo Homeland uma série que recomendo a todos darem uma chance.

Lá vai ele com a cabeça enfeitada

Até porquê amigos, convenhamos, Jack Bauer terminaria tudo em apenas um dia, enquanto a CIA leva dias e dias para tentar acabar com os planos de um terrorista chamado Abu Nazir. Brincadeiras à parte, o enfoque que Homeland dá ao combate contra o terrorismo é mais “real”, longe da insanidade de 24 horas onde temos um agente que não para nem para comer ou ir ao banheiro.

Um dos grandes trunfos está no elenco encabeçado por Claire Danies (“Stardust – O Mistério da Estrela”) que vive a agente Carrie Mathison, uma agente da CIA que passa a acreditar que o sargento resgatado após 8 anos de desaparecimento Nicholas Brody (Damian Lewis) foi convertido pelo Al-Qaeda e representa na verdade um grande perigo a nação americana, que o recebe como herói. A série conta ainda com a atriz brasileira Morena Baccarin como Jessica Brody, a esposa de Nicholas Brody, Diego Klattenhoff como Mike Faber que estava pegando a esposa de seu melhor amigo (olha aí a treta de galhas no meio do terror) e ainda com o ator Mandy Patinkin como Saul Berenson, mentor, “padrinho” e amigo de Carrie.

Fora todo o clima de espionagem e jogadas e intrigas políticas temos ainda um tempero especial na série que é o estado psicológico da personagem Claire…

…que sofre com os sintomas de um problema que herdou geneticamente de seu pai (não irei revelar para não estragar a diversão de quem ainda não assistiu). E a atriz além de ter tido algumas reuniões com alguns agentes da CIA assistiu alguns vídeos de pessoas que possuem o mesmo problema psicológico de sua personagem, preparação esta que se mostrou bastante eficaz já que ela levou pra casa um Globo de Ouro conforme citei. Fora isso ainda existe uma verdadeira fixação da investigadora no investigado que dá muito pano pra manga.

Ela ou Jack Bauer?

Confesso que esperava um pouco mais do tão alardeado final da temporada, descrito por alguns como fantástico. Acredito que a faltou um pouco de coragem para terminar a série de forma explosiva, mas que, eu sei, acabaria por praticamente descartar quaisquer chances para uma segunda temporada que ganhou um gancho que pode ser desenvolvido em vários episódios. Resta a gente torcer para que façam algo decente e interessante e que não se prenda somente no estado mental da agente Carrie…

… que, pelo visto, deve ser ainda bastante explorado na próxima temporada.

De verdade, me preocupo com a permanência de alguns arcos criados na série, espero que seja devidamente enganado no futuro, sinceramente.

Não achei o final desta primeira temporada espetacular, mas espero acredito que a segunda temporada valha a pena.

Não estou também ansioso para ver a sequência dos acontecimentos, mas com certeza irei conferir capítulo a capítulo a 2º temporada desta série que é recomendada e que vale a pena ser assistida,são apenas 12 episódios e é justamente o tempo que você espera começar as suas outras séries favoritas que, no meu caso, são atualmente “Game of Thrones” e “The Walking Dead”.

16 comentários sobre “Homeland, a série de 2011?

  1. Eu não sei se é a melhor série, mas os prêmios são merecidíssimos… e a Claire Danes merece mais ainda por melhor atriz.

    Eu poderia enumerar os enes motivos que me faz achar que a série é melhor que 24 horas… mas soltaria spoilers rsrsrs, além de que, correria os riscos de apanhar. hahah

    Curtir

  2. Aê, que bom que você deu uma chance pra Homeland! Olha, vou te dizer que pra mim é sim a série de 2011, e nem preciso dizer o quanto eu vibrei com as vitórias da série no Globo de Ouro (e espero que o mesmo aconteça no Emmy), né? Fazia tempo que eu não me empolgava tanto com uma série desde que eu fiz minha maratona de Dexter.

    Mas também entendo você achar Game of Thrones ou outra série melhor. Teve muita coisa boa em 2011, como o próprio GoT e a 4ª temporada de Breaking Bad, que sabe lá Deus porque não foi indicada. Ainda tem a questão do hype, que deveria estar lá nas alturas. Você viu Homeland depois de várias recomendações e elogios, enquanto eu comecei a ver quando tinha nem 1/2 duzia de pessoas vendo.

    Não assisti 24, mas dizem que Homeland é melhor por ser mais realista, sem os “atos chucknorrianos do Jack Bauer”. Mas como eu não vi, não tenho como comparar.

    Curtir

    1. Sim Doug, dei uma chance e confesso que, ao contrário do que você pensou, assisti a série com expectativas baixas apesar da recomendação justamente por me dizerem ser até melhor que 24 horas.

      O enfoque é sim mais realista em Homeland no quesito combate ao terrorismo e 24 horas na verdade perde o tom da “realidade” pelo formato, onde tudo é resolvido em um dia, ainda assim, acho bem mais interessante por diversos motivos e um deles é o fato de que QUALQUER UM pode morrer, não pode existir apego aos personagens em 24 horas pois eles morrem, morre mulher, morre chefe e Jack Bauer recorre a métodos muito insanos indo até as últimas consequências diversas vezes.

      Gostei de Homeland mas se for pra comparar fico com 24 horas fácil.

      Curtir

      1. Em 24 horas qualquer um não podia morrer não. Jack Bauer podia? Na verdade eu abandonei a série por causa disso, Jack Bauer era um verdadeiro superhomem em questão de resistência haha, acabava com tudo, e eu nem gostava do personagens, quando todos os personagens que eu gostava morreram, larguei a série. Mas Homeland é diferente, não só nesse enfoque sério, creio que também em valorizar menos a ação e mais os personagens e seu aprofundamento, é mais para o lado psicológico enquanto 24 horas era ação desenfreada.

        Curtir

      2. Tem uma temporada que até Jack Bauer morre (mas temporariamente) hahahah. Morre esposa, chefe, amigos, gente boa, é um sucesso 24 horas para quem curte ação “desenfreada” como você falou, e o personagem é foda.

        Homeland é mais “tranquila” e tem pouca ação, mas as histórias são interessantes e os prêmios não foram à toa.

        Curtir

  3. Sou muito fã de Homeland e espero que os últimos capítulos (ainda preciso ver 3) mantenham o alto nível, mas não achei merecida a vitória em cima de Guerra dos Tronos. O valor de produção e a qualidade do material daquela série são dignos de filmes classe A do cinema, mas não fiquei completamente infeliz com o resultado do Globo de Ouro pois, como disse no início, sou fã de Homeland

    Curtir

  4. Marcio, não me recordo se foi você ou a Danni Vidal que fez um post sobre o piloto de American Horror Story. Queria saber o que vocês acharam e se é recomendado de se ver. Abraço.

    Essa Homeland eu vou conferir depois, primeiro virá Game of Thrones e Boardwalk Empire. Mas achei interessante também.

    Curtir

  5. “longe da insanidade de 24 horas onde temos um agente que não para nem para comer ou ir ao banheiro.”

    Mal posso esperar pra assistir Homeland pra ver os personagens comendo e cagando 😀

    Curtir

  6. Ops, me expressei mal, eu li o post das impressões rsrsrs. A dúvida seria saber o que acharam, porque eu vi anunciando na Warnner que estaria de volta, então nem fiquei sabendo do resto além do piloto, se é bom ou ruim e tal.

    No mais é aquilo mermo, me diga uma coisa, que filme triste foi esse As Aventuras de Agamenon? Porra man, o filme é tão sem noção (parecendo que fora produzido por amadores) que eu consegui a proeza de dormir no filme (tomando vários tapas da patroa). Figura o primeiro lugar dos piores filmes de 2012 até então, na minha humilde opnião. Abraço.

    Curtir

  7. Opa, agora sei do que se trata sem ter lido spoilers… essa personagem com problemas psicológicos/psiquiatros me deixou mais interessado.

    só 12 episódios, bom elenco, globo de ouro… é… acho que vale a pena mesmo.

    Abs!

    Curtir

  8. Sem dúvida alguma Homeland é uma série de ação muito boa, a trama é do caralho e o globo de ouro, na minha opinião foi merecido, porém acredito que vai ficar massante na segunda temporada e provavelmente vou parar de acompanhar 🙂

    Eu não tinha notado a semelhança com 24 horas, talvez porque tenha parado de assistir depois da primeira temporada.

    Das novas séries a melhor, pra mim, é sem dúvida alguma Game of thrones. Para quem gosta de humor eu recomendaria Man up! Bacaninha, 20 minutos por episódio, o tempo que você espera em uma série de humor, vale a pena.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s