Game of Thrones, 4º Temporada, Episódio 8: The Mountain and the Viper

O hiato pegou muita gente de surpresa, mas a verdade é que pular mais uma semaninha para passar o episódio 8 desta 4º temporada de Game of Thrones, The Mountain and the Viper, só tornou maior ainda a expectativa para a grande luta entre a Montanha e a Víbora. Quando o anão exigiu o seu combate por duelo ele esperava que alguém o defendesse, mas não imaginava que seria um dos melhores personagens desta temporada que decidira o seu destino.

O fim da friendzone

Após toda a chatice de acompanhar o eunuco apaixonado, ainda que tenha valido pela bela visão proporcionada no rio, um arco iniciado lá na primeira temporada teve um desfecho não muito feliz para o friendzonado Jorah. Depois de desmascarado, mesmo ele tentando dizer (nos livros fica mais claro) que ele de início era mesmo um inimigo e espião mas com o tempo se apaixonou pela rainha dos dragões e a prova era tudo o que ele vinha fazendo por ela, não teve jeito. Foi ejetado da ‘farmville‘ Meereen.

got-s04e08

Visitas

A vila próxima ao Castelo Negro recebe visitantes não muito bem quistos. Pra turma que protege a muralha, sobram lamentações de Sam e preocupações de Jon Snow e de seus irmãos que terão que matar, cada um, mil homens para vencer essa batalha que se aproxima.

Tal pai, tal filho?

Ramsay segue em sua empreitada e após conquistar o que o pai lhe pediu se tornou o filho do governador do norte e um Bolton. Foi um momento muito belo, mesmo ele sendo um doente esfolador.

Sansa não é sonsa

Mindinho caiu numa inquisição mas Sansa acabou o salvando e, mais a frente, mostrou que não está tão desligada e sabe muito bem o que ele quer.

A Víbora de Dorne

Embora os outros acontecimentos deste episódio tenham sido relevantes, a verdade é que todos estavam mesmo interessados em saber sobre o grande combate, de um lado a Montanha, nome melhor para descrevê-lo não poderia haver, do outro Oberyn Marttel, a Víbora de Dorne.

got-s04e08-dorne-princess
Não me deixe sozinha…

Após uma aborrecida conversa sobre um serial killer de besouros, Tyrion se despediu de seu irmão e foi acompanhar a luta que decediria o seu destino. Não levou muita fé na leveza de seu campeão contra o impenetrável e imenso Montanha, mas logo que os primeiros golpes foram desferidos deu para perceber que o negócio seria difícil para o lado que já era tido como vencedor.

A Víbora Vermelha sambou, brincou, gingou e acabou adiando a sua vitória esperando por uma confissão do algoz de sua família e foi uma pena isso. Pena porque Game of Thrones perdeu o melhor personagem da 4º temporada.

Talvez em forma de metáfora com o que estava acontecendo com a gente que estava acompanhando a cena, a cabeça da Víbora explodiu depois de ser esmagada e o destino de Tyrion foi selado: Pena de morte.

***

  1. Mesmo já sabendo o que iria acontecer por já ter lido o livro, ver “ao vivo” a cena final foi chocante demais.
  2. A culpa por perdemos mais um incrível personagem é de tio George, briguem com ele e não com o pessoal da HBO.
  3. Não, não daria para poupá-lo já que este acontecimento desencadeará outras coisas.
  4. Arya riu pelo pobre Cão que parece ver sua recompensa sempre fugindo. Você também riu, eu sei.
  5. Você acredita que é o fim da linha para Tyrion?

 

11 comentários sobre “Game of Thrones, 4º Temporada, Episódio 8: The Mountain and the Viper

  1. Man, pra mim, foi uma das mortes mais chocantes que já assisti, tanto que estou até agora perplexo. GOT já mostrou na primeira temporada que não é fã de “Deus ExMachina”, por isso, temo pelo destino do anão. Seria um ato gigantesco de coragem, até mesmo no caso de Ned.

    Eu também ri com Arya =D

    Curtir

    1. O mais foda em relação a série neste ponto deste episódio especificamente é o fato de que, no livro, Oberyn é um personagem que surge e não cativa tanto quando foi na série entende?

      Essa era uma morte foda dos livros, mas nem de longe tão chocante e angustiante quanto na tela tanto pelo o ator que o interpretou, que foi foda, quanto pleo nível de gore.

      E a mulher gritando? Foda demais.

      Curtir

  2. “Não me deixe sozinha neste mundo…” Cara, que tenso. Vou te dizer, fiquei sem ar! Curiosa para saber o que vai rolar com esse “despertar de Sansa” e será que, enfim, ela e Arya vão se reencontrar?
    😉

    Curtir

  3. Putz… mesmo sabendo o desfecho do combate eu estava muito ansiosa para ver na série. Foi chocante demais! Concordo que o Oberyn da série é muito mais cativante e por isso é muito pior perder ele assim… :/
    Agora resta aguardar os próximos eventos turbulentos que vem por aí.

    Curtir

    1. Sim, ainda temos 2 grandes eventos turbulentos, pelo menos até o livro que li que foi o número 4. Será que irão apresentar os dois ainda nestes episódios finais?

      Curtir

      1. A aparição quando li o livro foi foda que foi o que fechou o último capítulo.

        Na verdade são duas mortes e vendo sobre o que vai se tratar o próximo capítulo já prevejo o que está por vir!

        Curtir

  4. Foi iso mesmo. A cena da morte do príncipe de Dorne foi nojenta no livro e a série conseguiu igualar tudo. Não vi a explosão, mas vi o que restou e … eca!
    Pena que não li o quinto livro ainda, então a parte de Theon continua sendo sempre surpresa pra mim rs.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s