Minhas leituras em 2020

Retomei o hábito de leitura que vinha perdendo nos últimos anos. Entre 2013 a 2019 minha média de leitura estava em não mais que três livros ao ano. Com o intuito de me desligar um pouco de 2020 acabei encontrando, outra vez, nos livros um ótimo refúgio pra descansar a mente e consegui ler entre livros e quadrinhos 21 obras este ano. Vou listar aqui neste post os meus destaques.

Os 3 melhores livros de ficção que li este ano

“Kindred – Laços de Sangue” de Octávia Butler

Publicado pela primeira vez em 1979, Kindred continua sendo um romance muito popular. Escrito por Octavia E. Butler, o livro levou quase 40 anos para ser publicado no Brasil, o que mostra o preconceito que ainda está enraizado em todos os cantos. É apenas um reflexo como obras de ficção especulativa escritas por minorias sofrem no meio editorial e, aqui no caso, uma ficção científica escrita por uma mulher negra. Essa foi a melhor leitura que tive em 2020.

“A Estrada” de Cormac McCarthy

Fiz o caminho inverso que costumo fazer com “A Estrada (The Road)“. Primeiro vi o filme, e só depois de longos anos resolvi ler o livro. Ainda que a narrativa de apocalipse e fim de mundo já tenha sido desgastada até a última ponta, o livro escrito por Cormac McCarthy é simplesmente excelente. A história de pai e filho que seguem tentando sobreviver a um mundo que já acabou é muito forte e muito bonita.

“Entrevista com a Pedra e outros contos” de Nigel Goodman

Nigel Goodman é uma daquelas raras pessoas que conseguem transpor para as linhas um tipo de humor tão gostoso de ler que o livro acaba sendo lido quase que sozinho. De conto em conto acompanhamos a história de um repórter (que me lembrou muito a mim mesmo, como pessoa) tendo que fazer as mais insanas entrevistas. De macaco astronauta a um super computador, tem de tudo. Vale muito a pena mesmo.

Melhor Quadrinho que li este ano

“Valente Para Onde Você Foi?” de Vitor Caffagi

O quinto volume da série de quadrinhos de Vitor Cafaggi, “Valente – Para Onde Você Foi?” é um daqueles gibis para se guardar no coração. Histórias divertidas e bonitas de amizades e romances. Li outras HQs neste ano, algumas até bem premiadas como The Wicked + The Divine ou Black Hammer vol 1 (gostei muito!), mas não tem jeito. A forma como me identifico com algumas situações em Valente faz ele ganhar esse lugar de destaque.

Melhor livro de não-ficção que li este ano

Sobre a Escrita – Stephen King

Escrevi uma resenha de Sobre a Escrita na POCILGA e lá tem tudo o que achei do livro. Não é um livro com regras e definições do que você deve fazer, mas que apresenta o processo prolífico de escrita do grande mestre Stephen King. É um livro que é muito bom até mesmo para quem é apenas fã do autor ou tem um pouco de curiosidade sobre sua carreira e como alguns de seus grandes sucessos foram criados.

E você, o que anda lendo?

Minhas leituras de 2020 (em verde) e minhas próximas leituras para 2021 (amarelo e azul).

5 comentários sobre “Minhas leituras em 2020

  1. Boa! Esse ano pandêmico ajudou a gente a dobrar a meta, não é? Haha

    A Estrada é maravilhoso. Recomendo outros livros do Cormac McCarthy, como o pesadíssimo A Estrada.

    Valente tá na minha lista já há algum tempo.

    Em 2020 li os dois primeiros livros do The Witcher e me impressionei bastante. Esses dois são na verdade uma coletânea de contos, um melhor que o outro. Andrzej Sapkowski tem um estilo mais direto, nada rebuscado. Tem humor, um pouco de ação e reflexões um tanto emotivas. Vale a pena conhecer.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s